Tipos de taça de vinho – modelos para diferentes vinhos

Conheça os principais tipos de taças de vinho e como usá-las

Quando vamos ao mercado ou lojas de decoração, é comum vermos diversos tipos e formatos de taça pelas prateleiras, certo? Tanta variedade de modelos não é por acaso – cada um oferece uma apreciação diferente da bebida.

Atualmente, é possível encontrar mais de 400 tipos e tamanhos de taças de vinhos. Para elevar o nível das duas degustações de vinho e tornar esse momento ainda mais especial, que tal conhecer as principais opções do mercado e a sua utilidade?

Acompanhe neste post!

1. Taças para vinho tinto

Para os clássicos vinhos tintos, ressaltamos dois tipos de taças: a Bordeaux e a Borgonha. Cada uma possui um formato que favorece o sabor de suas respectivas bebidas. Entenda:

A taça Bourdeaux possui um bojo mais largo e alongado com a boca fechada, o que faz com que ela concentre os aromas da bebida.

Vinhos ricos em taninos e mais encorpados são os ideais para essa taça. Dentre eles, podemos citar vinhos produzidos a partir de uvas como Merlot, Tannat, Syrah, Cabernet Sauvignon e Franc.

Por outro lado, a taça Borgonha possui o corpo semelhante a um balão (com o bojo mais largo), tornando o contato da bebida com o ar mais frequente.

Por isso, é ideal para vinhos com toques degustativos com menos taninos, os concentrados. Ótimos exemplos são os vinhos feitos com as uvas, Amarone, Barbera Barricato, Nebbiolo e Pinot Noir.

Resumindo, essas bebidas possuem concentração de taninos em diferentes níveis. Assim, o formato de cada uma das taças aproveita isso para conseguir favorecer o sabor e aroma de seu vinho.

Leia também: 6 vinhos bons e baratos para apreciar em casa!

2. Taça para vinho branco

As taças para vinho branco possuem uma estrutura com corpo reduzido, na intenção de manter a bebida em temperaturas mais baixas. Esse formato também favorece a degustação das acidez e das notas frutais.

Além disso, a taça também possui uma aba estreita que leva o vinho a diferentes áreas da língua, conciliando sabores mais adocicados e ácidos (o que é perfeito para sabores brancos).

3. Taça para vinho rosé

Assim como os tintos, os vinhos rosé também possuem taninos em sua composição. A diferença é que têm o mesmo aroma dos brancos.

Isso faz com que as taças feitas para os vinhos rosé sejam menores que a taça dos vinhos brancos, mas com um bojo levemente maior. Esse formato permite que a acidez do vinho ganhe destaque e equilíbrio com seu sabor adocicado.

Caso você ainda não tenha uma taça para os vinhos rosé, pode usar as taças de vinho branco como substitutas temporárias.

Leia também: Como harmonizar queijos e vinhos

4. Taça para espumante

No caso dos espumantes, a taça perfeita é a que possui um bojo alto e boca estreita – também conhecido como flûte ou flauta.

Esse formato existe para que as borbulhas (característica clássica desses vinhos) sejam preservadas em um maior intervalo de tempo. Também permite que os aromas da bebida sejam realçados e direcionados para o nariz, potencializando sua delicadeza e frescor.

Durante a degustação, essa taça proporciona um controle entre a profundidade saborosa e a limpeza de acidez.

Há apenas um detalhe que exige cuidado: se as taças de espumante forem muito retas e compridas, podem fazer com que a bebida fique com uma menor concentração de aromas.

Leia também: O que combina com vinho? Veja nossas dicas de harmonização

5. Taça para vinhos doces e fortificados

Fazendo jus a seu nome, os vinhos doces e fortificados possuem um sabor mais intenso, o que faz com que as pessoas os consumam em quantidade menores.

Por isso, a taça para essas bebidas também costumam ser menores, com um formato estreito na parte superior.

Além disso, seu formato leva a bebida na região da ponta da língua, que é justamente onde os sabores adocicados são notados com mais intensidade.

Leia também: Você sabe a diferença entre decantar e aerar o vinho?

Como escolher a taça adequada para cada vinho?

Em meio a tantas opções de taças disponíveis, imaginamos que você deve estar com algumas dúvidas quanto a qual taça comprar em sua casa, certo?

No momento de comprar esses itens, é importante que você baseie a escolha em suas uvas e vinhos favoritos.

Se você tiver conhecimento de qual seu sabor favorito, fica mais fácil saber qual sua bebida favorita e, assim, qual irá consumir com mais frequência.

Se você é iniciante na degustação de vinhos, recomendamos taças em modelo Bordeaux, muito semelhante aos modelos utilizados para os vinhos rosés, brancos e tintos. Essa taça ajuda a manter a temperatura do vinho baixa por mais tempo.

E como os tamanhos de taças são diferentes entre si, para resolver essa questão basta controlar a quantidade a ser servida da bebida.

O que você achou deste conteúdo? Esperamos que tenha gostado e que tenha entendido quais os tipos de taças ideais para cada tipo de bebida para beber os seus vinhos da melhor forma possível.

Aproveite para conferir nosso post sobre 6 truques que todo amante de vinho deveria conhecer. Agradecemos por sua leitura e esperamos por você novamente em nossas próximas publicações!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

AlphaOmega Captcha Classica  –  Enter Security Code